terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Noturno


O aço dos meus olhos
E o fel das minhas palavras
Acalmaram meu silêncio
Mas deixaram suas marcas...

Se hoje sou deserto
É que eu não sabia
Que as flores com o tempo
Perdem a força
E a ventania
Vem mais forte...

Hoje só acredito
No pulsar das minhas veias
E aquela luz que havia
Em cada ponto de partida
Há muito me deixou
Há muito me deixou...

Ai, Coração alado
Desfolharei meus olhos
Nesse escuro véu
Não acredito mais
No fogo ingênuo, da paixão
São tantas ilusões
Perdidas na lembrança...
Nessa estrada
Só quem pode me seguir
Sou eu!Sou eu! Sou eu!...
(Raimundo Fagner)

2 comentários:

Matheus disse...

Hello princess!!!
Is this the "Pricess's Diary"? Like the book or the movie?
Well... I'm posting this coment because you asked me to say that you are a good student, so here it is: Clarissa, you are a good student!

Happy?!
;D

I haven't read the text you posted because I'm correcting a few things, but I'm going to read it... Or maybe not...
LOL

See you!
;D

burrah disse...

cla!

eu não sei falar ingreis e agora? O.o
posso me comunicar ainda c vc escrevendo meu portugues bem dizido?
shauhsuahushauhsa

ow to sem tempo meu bem de vim aki dizer q te adoro, q vc é uma das melhores pessoas q eu conheço,e que eu vou morrer de saudades,que eu ja sinto saudades,q me é my best 4-ever,q vc não me entende...mas me ama mesmo assim me ama,q se eu te magoar um dia eu naum me xicoto...hsauhsuhauhsuhsaua

ow amiga tua amiga burra tah um bagaço,tah cançada!mas,vai xegar onde quer te prometo isso!

aHHH
me desculpa o sumiço,viu?

amu muito tudo isso(aproveitando p fazer a propaganda basica,ne? "))